o que é empatia como despertar empatia nas crianças

O que é empatia? Um sentimento que se desenvolve na infância

Conectar-se com outra pessoa, saber o que ela está sentindo e fazer o que puder para ajudá-la. A empatia é a capacidade de compreender o que o outro está sentindo ao se colocar em seu lugar. A criança que se importa com o outro, apresentando comportamentos de ajuda e cooperação, se desenvolve melhor socialmente, fazendo mais amigos.

Trabalhar a empatia com as crianças pode evitar situações de agressão.  Práticas de bullying, por exemplo, podem se iniciar quando a criança se volta apenas para seus interesses, ignorando como seu comportamento afetará o outro.

Mas como trabalhar e desenvolver este sentimento na criança? o que é empatia como desenvolver empatia nas crianças

Comportamento –

Deve-se priorizar o diálogo com a criança ao corrigi-la e explicar regras, por exemplo. A autoridade do cuidador não deve possuir postura autoritária, pois ao desconsiderar a perspectiva da criança, esta pode repetir o padrão comportamental – falta de empatia – em outras relações. Por outro lado, pais extremamente permissivos são vistos como inconsistentes, já que desta forma estariam considerando apenas os desejos e necessidades do filho.

Socialização – 

O contato com pessoas além dos familiares é importante para que a criança conheça novos comportamentos e regras, se ajustando aos mesmos, cedendo algumas vezes às suas próprias vontades pelo bem coletivo.

Conflitos –

Quando brigas são solucionadas com ameaças e punições, as crianças tendem a evitar tal comportamento apenas para que estas não sejam aplicadas novamente a si. Isso faz com que a criança não pense no outro ou no motivo da briga, mas apenas nas consequencias para si mesmo. Deve-se explicar por que tal comportamento não deve ser repetido, que por exemplo, a agressão deixou o colega triste, o machucou e que eles poderiam deixar de ser amigos por causa disso.

Soluções –

Não só corrigir a criança, também é necessário mostrar alternativas para tal comportamento. Se a criança brigou por um brinquedo, além de explicar que não se deve bater no colega, também é necessário dar uma solução, como brincar juntos.

Contar histórias – 

Além de entreter a criança, as histórias demonstram novas situações, conflitos e  dá a chance para a criança compreender formas de lidar com aquela situação.

Para o desenvolvimento da empatia na criança, os pais devem sempre policiar as próprias atitudes, para que a criança não reproduza comportamentos negativos. Uma criança empática é uma criança feliz!

 

Veja mais sobre a importância das brincadeiras lúdicas no aprendizado das crianças!

 

Até a próxima!

Hora do Agito

Leave A Response

* Denotes Required Field